Como Preencher Nota Promissória Corretamente – Confira as Dicas

por Diego Soares
em Documentos
1 de agosto de 2013

Apesar do aumento do crédito visto nos últimos anos e do fenômeno da massificação do uso de cartões de crédito, ainda é comum encontrarmos estabelecimentos comerciais que fazem uso das “velhas” notas promissórias.

Para quem não sabe ou nunca as utilizou, as notas promissórias são títulos cambiários que tem como principal objetivo garantir que o comprador de determinado produto ou serviço adquirido, cumpra com sua responsabilidade de realizar os pagamentos acordados dentro do prazo estipulado.

Popularmente dizendo, as notas promissórias nada mais são que uma espécie de “promessa” de pagamento, porém, para que tal acordo não fique apenas como um acordo “de boca”, tais informações são transformadas em um documento oficial, que conta entre outras, com data marcada de validade e cobrança.

Para que um vendedor, uma loja ou comércio qualquer tenha aumentada a sua segurança, se faz necessário e é de fundamental importância que as notas promissórias emitidas, sejam registradas por um Escrivão em um Cartório específico para este fim, pois assim a validade do documento será reconhecida a qualquer momento que se fizer necessário.

Procedendo desta forma, o comerciante ou quem quer que tenha emitido tais notas, poderá ter maior segurança de receber os valores acordados, pois na falta do pagamento ser realizado dentro daquele prazo acordado, a nota promissória poderá ser protestada e a cobrança deste título será realizada judicialmente, com o auxílio de um advogado. É importante lembrar que após realizado o pagamento, é preciso devolver a nota promissória ao processado para que ele dê os devidos fins a este documento.

Como Preencher Nota Promissória de Modo Certo – Acompanhe as Dicas

Bom, como já foi dito anteriormente, saber como preencher nota promissória de forma correta se faz necessário para que a mesma tenha validade e possa ser contestada mais tarde se preciso for, portanto, muito cuidado ao emitir um documento como este. Acompanhe na sequência algumas dicas, que apesar de simples, podem tirar dúvidas de muitas pessoas.

  • Título do Documento: neste campo deve constar o título “Nota Promissória” somente;
  • Data: preencha a data correta para cobrança deste título, pois caso a mesma não seja preenchida, o documento passa a ter valor de cobrança à vista;
  • Local: não havendo um lugar informado, o mesmo será o endereço de residência do emitente da nota;
  • Denominação da nota: nesse campo, o emitente, ou comprador dos serviços, terá de fazer o registro do tipo da dívida assumida por ele;
  • Quantia: neste campo a quantia assumida precisa ser informada “por extenso”;
  • Beneficiário: nada mais é do que o dever de preencher corretamente o nome completo do beneficiário de tal nota, para que se evite dificuldades futuras ou dúvidas;
  • Assinatura: para que tenha realmente validade, a nota promissória deverá ser assinada pelo emitente, ratificando portanto neste momento e assumindo tal divida e seu prazo de pagamento;
  • Data e local: basta apenas informar novamente a data e onde foram firmados tais acordos;
  • Testemunhas: este campo é controverso, muitos entendem que não há necessidade disso, porém, em todos casos, peça para que 2 testemunhas assinem também a nota nesta condição (de testemunhas do acordo apenas) se assim pedir o beneficiário;
  • Rasuras: por fim, muito cuidado com rasuras neste documento, pois os mesmos podem perder a validade quando rasurados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

facebook comments: